Home / POLÍTICA / Jefferson Portela determina exoneração de responsáveis por documento ilegal

Jefferson Portela determina exoneração de responsáveis por documento ilegal


Secretário de Segurança do Estado do Maranhão, Jefferson Portela

A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão determinou a abertura imediata de apuração sobre um documento emitido sem o conhecimento e a autorização do Comando da Instituição Policial Militar. A nota tratava de suposta determinação a Unidades do Interior sobre identificação de lideranças políticas.

“É um erro gravíssimo. Eu determinei a imediata exoneração dos responsáveis por essa nota. Não tem como permanecer na direção de um controle de processo eleitoral quem emite uma nota dessa”, diz o secretário da Segurança Pública, Jefferson Portela.

A exoneração é de um, dois ou quantos forem. A nota contraria as regras da democracia”, acrescenta Portela. De acordo com ele, “isso foi comunicado sem passar ao comando geral, o que não pode. Nós somos uma corporação que tem disciplina e hierarquia.”

O comandante geral da PM, Jorge Luongo, diz que o procedimento de apuração já foi instaurado: “Nós fomos pegos de surpresa com essa documentação indevida e não autorizada. É um absurdo, uma nota ilegal que não foi emanada pelo comando da instituição. De pronto, a gente repudia esse levantamento”.

Determinamos de imediato a abertura de um procedimento apuratório para atribuir a responsabilidade a quem errou, a quem tomou essa iniciativa”, acrescenta Luongo.

“Nossa PM não age dessa forma, nós queríamos tão somente levantar informações para iniciar o processo de planejamento [de segurança] para a eleição de 2018. E alguém avançou nessa questão de forma ilegal, absurda e arbitrária”, diz o comandante da PM.

Reveja aqui a nota oficial do Comandante Geral da Polícia Militar do Maranhão, Coronel Jorge Luongo.

Via Blog do Minard

Check Also

Paralisação de caminhoneiros continua neste domingo e país tem mais de 550 pontos de bloqueios

Gilberto Lima – A Polícia Rodoviária Federal informa que são registrados, em relatório de 22h …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *