Olá, entre em contato com a redação do blog através do e-mail: humbertoruy@gmail.com

Após falsa promessa, Temer aumenta imposto sobre combustíveis

Presidente golpista havia dito que, com PEC dos Gastos, não aumentaria impostos; enquanto isso,
Temer corta gastos em setores fundamentais

O aumento do imposto sobre a gasolina, anunciado na última quinta-feira (20), contraria todo o discurso mantido pelo governo golpista entre 2016 e 2017. O presidente ilegítimo Michel Temer (PMDB) e o ministro da Fazenda Henrique Meirelles prometeram que, caso a PEC dos Gastos (Proposta de Emenda Constitucional que limitou os gastos públicos nos próximos 20 anos) fosse aprovada, não aumentariam os impostos.

Não foi o que aconteceu: a PEC foi aprovada em dezembro de 2016, mas, cerca de 6 meses depois, o PIS-Cofins sobre a gasolina dobrou. Sobre o diesel, o aumento foi de 80%, causando um impacto imediato no bolso do consumidor final e de toda a cadeia produtiva.